O Retorno de Malala

Vencedora do Prêmio Nobel da Paz em 2014, a ativista paquistanesa Malala Yousafzai, defensora do direito das mulheres à educação, causou furor em sua recente passagem pela cidade.

Em outubro, uma nova homenagem a aguarda no Rio. O livro infantil Malala, a Menina que Queria Ir para a Escola vao virar peça de teatro dirigida por Renato Carreca, o mesmo diretor do bem-sucedido monólogo Gisberta, com o ator Luis Lobianco.

“Conseguimos aprovar R$ 982.000,00 através da Lei Rouanet, quase um luxo neste momento do Brasil, mas ainda estamos lutando para captar o que falta”, diz Tatiana Quadros, produtora executiva do espetáculo, que já conta com o patrocínio do Colégio e Curso pH e do Grupo Case de Benefícios e Seguros. Outro luxo: o projeto tem três canções originais de Adriana Calcanhotto, compostas especialmente para a montagem.

X
conduta
conduta
conduta
conduta